terça-feira, 3 de março de 2009

O fim do mundo: mais um alarme falso

Provável mudança no campo
magnético terrestre - Imagem: WEB

A nossa necessidade intrínseca de compreender o mundo no qual vivemos é, entre outras coisas, o que nos diferencia das demais espécies. No decorrer da história, as inúmeras civilizações, que habitaram este planeta, sempre tiveram uma curiosidade em comum: saber quando será o fim do mundo.
Recentemente, THC (The History Channel) – canal de TV a cabo americano que apresenta documentários diários e semanais sobre temas diversos, principalmente, de teor histórico – produziu um documentário apelativo que trata de uma suposta profecia maia sobre o fim do mundo. O mesmo será exibido, nesta primeira semana de março, durante a programação daquele canal. O interessante é que o simples anúncio do documentário já chamou a atenção de muita gente e tem provocado discussões na Web, nos jornais e em redes de televisão.
Não podemos negar que esse povo pré-colombiano possuía um elevado grau de desenvolvimento e que seu calendário complexo e holístico foi um dos mais precisos já elaborados pela humanidade. Também não é à toa que sua cultura sempre foi muito valorizada e o seu povo digno de credibilidade, apesar da origem incerta. Acredita-se que talvez tenham vindo do norte para estabelecerem-se no sul do México por volta do ano 1.000 a.C. Eram pessoas de baixa estatura, braços compridos, mãos e pés pequenos e cabelos negros e lisos que habitaram a região das florestas tropicais das atuais Guatemala, Honduras e Península de Yucatán (região sul do atual México). Viveram nestas regiões entre os séculos IV a.C e IX a.C. Entre os séculos IX e X , os toltecas invadiram-nas e dominaram a civilização maia.
Segundo a tal profecia, se fizermos a conversão do calendário maia para o nosso, o fim do mundo ocorrerá, exatamente, em 21.12.2012. Temos, portanto, apenas três anos para desfrutar do que o mundo pode nos oferecer.
Na realidade, tudo não passa de um alarme falso. Não há profecia e os astrônomos são categóricos em afirmar que tal evento astronômico é impossível de acontecer – pelo menos nos próximos anos!
Na verdade, o documentário é apenas uma junção de elementos isolados atribuídos aos maias, relacionados com outras profecias; principalmente, as do I Ching (ou Livro das Mutações), de Merlin (personagem do Ciclo Arturiano que se refugiou nas terras escocesas e lá fez muitas previsões para o futuro) e de Sibyl (a profetisa romana).
O fato é que o calendário maia presume, apenas, que o mundo sofrerá alterações graves, que o transformarão, e estas ocorrerão no solstício de inverno de 21 de dezembro de 2012 – dependendo de suas consequências, não teremos clima ou vida para celebrar o Natal nesse ano. Já pensou?! Detalhe: alterações graves o mundo já vem sofrendo - como aconteceu, recentemente, após a Tsunami, que mudou o eixo da Terra. Todavia, isto não quer dizer que o mundo chegará ao fim.
Em síntese, não há motivo para pânico. Profecias do fim do mundo já existiram e sempre existirão – elas são atrativas, vendem bastante e, infelizmente, muitas pessoas se deixaram e se deixam influenciar e enganar. Os cientistas calculam que a terra durará, ainda, cerca de 5 bilhões de anos – temos que esperar o sol inchar – Imagine! Então, “muita calma nessa hora” e nada de preocupações baseadas em previsões vagas ou manipuladas, certo? Neste caso, até dezembro de 2012 – quando, mais uma vez, este tema voltará à tona com força total.

Copyright © 2009 – Meu Horizonte
© Todos os Direitos Reservados

2 comentários:

Anônimo disse...

É, mas que é um assunto que atrai atenções, atrai. Aliás, quando se vai ao aeroporto olhar as "descidas" e as "subidas" dos aviões, o ser humano (acredita-se que uma porcentagem acima de 2/3 da população) não vai olhar a beleza, mas apenas, e exclusivamente, uma posssível fatalidade ou tragédia. E é assim através dos tempos. Não acredito que vá acontecer nada disso, mas vai acontecer de nós desaparecermos - acabar o nosso ciclo de dominação entre às espécies - e outras espécies tomar o nosso lugar. parabéns pelo artigo. Você é o máximo!
Beijos!

max william! disse...

na verdade a unica teoria q eu acredito é a q Deus vira e ai sim sera o fim dos tempo!
a Unica teoria verdadeira afirmo sem medo!
como ja citado essas teorias vende muito e deixa algumas pessoas com mentes fracas abismada e com medo!
EXELENTE PUBLICAÇÂO!